Esmaltes infantis, pode?

Esmaltes infantis, pode?

piggypaint500

Sabemos o quanto é irresistível para as crianças verem as suas mães se embelezando, com todo o capricho que merecem, principalmente quando se tratam de esmaltes. Mas será que elas podem usar esmaltes desde muito novas? Se sim, quais os cuidados que devemos tomar?

Criança pode sim pintar a unha, mas não com os produtos de adulto. Os pais já estão acostumados a separar os itens de beleza e banho para crianças e devem continuar a prática com separação de produtos de esmaltação. E o motivo é simples: os esmaltes comuns para as mais velhas possuem solventes tanto no removedor quanto no esmalte, mesmo sendo base, danoso para o desenvolvimento natural das crianças.

As substâncias presentes nos esmaltes tradicionais são consideradas tóxicas para a pele sensível das crianças – em especial na fase oral, quando constantemente estão com a mão na boca – mas também além dessa fase… Afinal, se até adolescentes por vezes adquirem o hábito de remover as películas das unhas com os dentes, imagine então as pequenas! O removedor de esmalte também deve ser trocado por um sem substâncias químicas e o esmalte infantil costuma sair com água apenas, pois é a base de álcool. Duram um pouco menos que os de uso adulto, mas valem a pena pela segurança.
Qual a idade certa para se pintar?

O ideal é acima dos quatro anos de idade, quando a criança já não mais engole itens com facilidade. Por mais que seja comum encontrar unhas de bebês pintadas, os pediatras não indicam esta prática. Quanto mais saudável e distante a criança estiver de substâncias agressivas nos primeiros meses de vida, melhor. Por isso mamães, esperem um pouco para realizar o sonho de unhas lindas e decoradas nas suas criações.

Atualmente, já existem esmaltes voltados para as pequeas, evitando justamente que alguns pais tenham problema com os produtos tóxicos. O ideal é que siga as instruções corretas para garantir a saúde da sua filha.